e-mail Portal da Transparência Serviço de acesso a informação

SEMED

Secretaria Municipal de Educação

Secretaria Municipal de Educação
 
  • Imprimir
 

Projeto Aprender Bem cria novas estratégias de ensino e aprendizagem

 



A busca de novas informações para possibilitar o desenvolvimento de um trabalho gerador e fonte dos mais diversos conhecimentos tem sido um diferencial no processo de ensino-aprendizagem dos alunos da Escola Municipal Vanderlei Rosa de Oliveira. Para fomentar o despertar cognitivo, a Secretaria Municipal de Educação implantou na unidade escolar o projeto Aprender Bem, cujo objetivo é investigar e contribuir para a superação das dificuldades de aprendizagem.

“O trabalho é desenvolvido em sessões de atendimento. Essas sessões envolvem a família, a criança e a escola. Os professores encaminham esses alunos até nós e, através deles, fazemos avaliações psicopedagógicas. Nessas avaliações detectamos as dificuldades das crianças e, após diagnosticar, nós entramos com as intervenções e elas são específicas para cada criança, para cada dificuldade. Nós usamos brincadeiras, jogos, atividades lúdicas, literatura infantil. O objetivo dessas intervenções é superar essa dificuldade”, explicou a psicopedagoga Katte Romero.

De acordo com a psicopedagoga, no desenvolvimento do projeto são propostas atividades que proporcionam integrar a criança no processo de ensino e aprendizagem por meio de intervenções psicopedagógicas. Para isto, são utilizados recursos como jogos, literatura infantil, músicas, entre outros na perspectiva lúdica favorecendo a aprendizagem da criança.

“Depois que ela iniciou esse projeto, percebemos eu e a professora que ele está ativo e mais interessado nas tarefas e nas aulas, até o comportamento dele tem mudado. Ele está prestando mais atenção nas aulas, querendo sempre fazer as atividades quando chega em casa. Antes, ele não tinha esse interesse. Esse projeto foi muito bom pra minha família, pra mim, pra meu filho”, afirmou a mãe de aluno, Jéssica Andrade do Carmo.

Como parte da metodologia aplicada, as principais atividades abrangem materiais didáticos para leitura e estudo aplicado, por meio dos quais o estudante pode obter o maior número de informações, de forma a prescindir gradativamente da presença do professor (psicopedagogo). O atendimento é realizado em pequenos grupos ou individualmente, com duração de cerca de 30 minutos. O aluno continua frequentando sua turma de origem e no outro turno participa do projeto.

São também estabelecidas parcerias com as famílias dos alunos, visando comprometê-los no trabalho realizado, proporcionando diferentes vivências e o resgate da criança em todas as suas dimensões. “O projeto Aprender Bem iniciou na escola trazendo um trabalho in loco psicopedagógico, aproximando a família da escola e os alunos. Essa parceria só tem mostrado que quando há uma união, uma força tarefa em prol da aprendizagem do aluno, ela acontece. Então, o projeto Aprender Bem veio para ficar e para melhorar”, ressaltou a diretora-adjunta da Escola Vanderlei Rosa,Lucilene Fernandes de Oliveira.

Segundo a secretária municipal de Educação, Leila Machado, a proposta integra o plano de ação “Reme –Todos pelo saber - 2016” para escolas e ceinfs da Capital. “O nosso foco é criar estratégias de atendimento educacional complementar, para estimular no aluno o interesse pelo conhecimento, além de aproximar ainda mais a família da comunidade escolar. Tanto a Semed quanto a atual gestão da Prefeitura entendem a necessidade de fazer uma educação cada vez melhor e diferenciada para valorizar os nossos profissionais e atend












 

Downloads

  • PDF Visualizador de PDF
    Clique para baixar o Adobe Reader
    Adobe reader
    23.7 MB
    Clique na imagem acima para baixar
    Expandir/Recolher
  • Word Descompactador de arquivos
    Clique para baixar o WinRAR
    WinRAR
    1,37 MB
    Clique na imagem acima para baixar
    Expandir/Recolher

Downloads